agosto 22, 2009

Chácara Santa Helena

A Osmar de Oliveira

Uma pena de galo
guarda a pagina da antologia de Cecília.
Uma pena assombrosa
divide meu coração ao meio.

Olhos ladeados de caminhos
abertos pelo tempo
acima de uma boca
que agora me conta
da dor que ficou porque Helena partiu
estão marejados.

Mas parecem aceitar o enfado,
a curva intransponível do destino.
Permanecem ainda encravados
na casa de chão batido
os rastros do amor familar,
legado deixado apesar de tanto desatino.

Meus ouvidos não escutam
nem voz de córrego distante
nem bater de água na represa.
Só sabem de um velho homem sentado à mesa
que nunca se deu por vencido
nem mesmo diante do amor perdido.

São Gabriel d'Oeste, MS, 08 de maio de 2009.

3 comentários:

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Fern,

Estava hoje no twitter e vi que achou escritos seus antigos. Fiquei curiosa... é tão bom recordar, né?

Beijo grande, menina linda.

Rebeca

-

Adrielly Soares disse...

Você escreve divinamente.
É tão lindo quando vcê dedica alguma coisa pra gente. *-*
Saudade de você. Ainda vou beber com você em algum bar por aí.
;)

Adrielly Soares disse...

Indicada pra meme. ;D

Refletidos

A imagem refletida

Minha foto

Gaúcha de nascimento, carioca de coração. Advogada, escritora incubada e apaixonada por cultura.